quarta-feira, 6 de abril de 2011

Espelhando.

Pra não dizer que não falei das flores ...
"fazendo do pensamento, a menor distância.."


Minha menina ,
...Era uma vez uma menina, que brincava de empurrar a cama pra dormir com a tia... todas as noites era a mesma melodia... cresceu almoçando com o avô... ela tinha os cabelos cachos de ouro... véus em espigas de milho... essa menina é a minha levada da breca... hoje, essa menina nina seus sonhos... cubro-a todas as noites e faço versos ao pé do seu ouvido... versos sempre repetitivos... mais ou menos assim... eu te amo... papai te ama...e assim vamos fazendo do nosso pensamento, a menor distância...
Seu amigo e pai,
Oreny Júnior.

Um comentário:

  1. assim não vale, desse jeito vc me deixa bobão...
    xero na alma!!

    ResponderExcluir

Pode dividir seu fragmento mental :)